Tragédia em Suzano poderia ter sido evitada, afirma Requião Filho.

A notícia sobre a violência em uma escola de Suzano, interior de São Paulo, repercutiu esta semana também entre os deputados paranaenses. Requião Filho lembrou tragédia parecida ocorrida no interior do Paraná no ano passado, que também poderia ter sido evitada e as causas apontam para o mesmo motivo; as consequências do bullying. “Os estudantes brasileiros, infelizmente, têm se sentido

Continue lendo

ANIBELLI AFIRMA QUE REAJUSTES DA SANEPAR SÃO REFLEXOS DE POLÍTICA VOLTADA AOS INTERESSES DOS ACIONISTAS

Em discurso nesta quarta-feira (21) na Assembleia Legislativa, o deputado Anibelli Neto (MDB) contestou informações publicadas em reportagem do jornal Gazeta do Povo em que a Sanepar responsabiliza o governo do MDB pela política de reajustes das tarifas adotada pela empresa entre 2011 e 2018, quando o preço da água e esgoto subiu 139%.
De acordo com Anibelli, o reajuste na tarifa aplicado nos últimos anos é resultado de uma política que prioriza o interesse dos acionistas privados, e não da população.

Continue lendo

SENADOR REQUIÃO APRESENTA “LEI ÔNIX LORENZONI”, QUE PERDOA QUEM SE ARREPENDER POR CAIXA DOIS

O senador Roberto Requião (MDB) apresentou, nesta quarta-feira (7), no Senado, o projeto de lei já batizado de “Lei Ônix Lorenzoni”, que concede a juízes o poder de perdoar políticos que tenham se arrependido e feito pedido público de desculpas por seus crimes ou acusações.
A iniciativa do senador é uma ironia com o juiz Sérgio Moro e acontece um dia depois do juiz, numa coletiva de imprensa em Curitiba, na terça (6), minimizar as acusações de caixa dois contra o futuro chefe da Casa Civil.

Continue lendo

CÂMARA SETORIAL DA ERVA-MATE DEBATE LEI QUE CRIOU POLÍTICA ESTADUAL DE INCENTIVO APROVADA PELO DEPUTADO ANIBELLI NETO

A Câmara Setorial da Erva-Mate, realizou reunião, nesta terça-feira (6), na Sede da FIEP, para debater a Lei Estadual nº19.636, de autoria do deputado estadual Anibelli Neto, que instituiu a Política Estadual de Incentivo à Erva-Mate. Anibelli explicou que a aprovação da Lei foi um primeiro passo e de agora em diante será necessária a atuação do Poder Executivo para colocá-la em funcionamento, em benefício de todo o setor. Esclareceu que o Fundo deve ser de iniciativa de tal Poder, que deve aportar os recursos necessários para sua manutenção, e afirmou sua disposição para lutar para viabilizar tais medidas.

Continue lendo
1 2 3 4 112