APÓS QUESTIONAMENTO DE ANIBELLI, SECRETÁRIO DA FAZENDA ANUNCIA INATIVAÇÃO DA PRSEC

Após um questionamento do líder da oposição, deputado Anibelli Neto, sobre os prejuízos acumulados pela Companhia Paranaense de Securitização (PRSEC) desde sua criação, em 2015, o secretário da Fazenda do Paraná, José Luiz Bovo, anunciou que a estatal será inativada pelo Poder Executivo. Bovo participou nesta quarta-feira (30) da apresentação de prestação de contas do governo estadual relativa ao primeiro quadrimestre na Assembleia Legislativa.

Continue lendo

EXECUTIVA DO PMDB CURITIBA SE REÚNE FAZ PRESTAÇÃO DE CONTAS E APRESENTA MINUTA DE REGIMENTO INTERNO

Nesta terça-feira (29), a executiva do PMDB Curitiba se reuniu para deliberar sobre as pautas de maio, que incluíram informações sobre a prestação de contas do diretório e a apresentação da minuta do regimento interno das secretarias zonais deliberativas. Também debateu adoção de medidas de compliance, cria comissões de redação final para os conselhos zonais e para assuntos jurídicos e recebe anúncio de pré-candidaturas.

Continue lendo

REQUIÃO FILHO DEFENDE PETRÓLEO NACIONAL, REFINADO E VENDIDO NO BRASIL

Deputado divulga vídeo em defesa do petróleo nacional, refinado e vendido no Brasil, ao contrário da política atual da Petrobrás que vende o produto cru mais barato no mercado estrangeiro, para ser refinado lá fora. “Pagamos mais caro por algo que poderia ser refinado e vendido aqui, no mercado interno. Essa política entreguista precisa acabar. O petróleo é nosso”, defendeu.

Continue lendo

PETROBRAS E SANEPAR DEVEM SER ADMINISTRADAS COM FOCO NOS INTERESSES DA POPULAÇÃO, DESTACA ANIBELLI NETO

“O grande erro do presidente foi dolarizar a questão do combustível, colocar a Petrobrás a serviço do mercado financeiro, e não da população, com preços justos e acessíveis. A administração pública é tratar desigual os desiguais para que, numa crise, a população esteja protegida. No caso da Petrobrás, está sendo exportado petróleo bruto para voltar ao Brasil o produto refinado em valores superiores. Isso é má-fé e lesa duramente a população brasileira”, explicou o deputado. Ele cobrou a demissão do presidente da Petrobrás, Pedro Parente.

Continue lendo
1 2 3 7