PMDB MULHER PARTICIPA DA 1ª JORNADA NACIONAL MULHER SEM VIOLÊNCIA

O PMDB Mulher do Paraná participou da 1º Jornada Nacional – Mulher sem Violência, que aconteceu entre os dias 23 e 25 de novembro, na Universidade Positivo, em Curitiba. O objetivo foi debater sobre as formas de violência de gênero e doméstica contra as mulheres, discorrer sobre suas causas e efeitos e refletir sobre propostas de intervenção e erradicação das desigualdades de gênero.

O evento contou com o apoio da Universidade Positivo (UP), em parceria com a Prefeitura Municipal de Curitiba, Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Núcleo de Direitos Humanos da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUC-PR).

A jornada integra a “Campanha dos 16 dias de ativismo pelo fim da violência contra as mulheres”, lançada em 1991, com o objetivo de promover o debate e denunciar as várias formas de violência contra as mulheres no mundo. A mobilização é anual e realizada em mais de 160 países. No Brasil, acontece desde 2003.

Este slideshow necessita de JavaScript.

MARIA DA PENHA
“Participamos dessa jornada com orgulho. Não podíamos deixar de admirar e até tietar a Maria, essa mulher forte e guerreira, que com sua bravura e determinação sobreviveu a violência, mudou a legislação e o rumo da vida de milhares de mulheres Brasileiras. Maria da Penha, símbolo das lutas das mulheres do Brasil”, afirmou a presidente do PMDB Mulher Márcia Ferreira.

AÇÃO NA BOCA MALDITA
O PMDB Mulher do Paraná realiza ações de combate a violência contra a mulher em Curitiba e em Pinhais região metropolitana. Foram entregues rosas brancas simbolizando a paz , ato alusivo aos 16 dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres. Os 16 dias referem-se ao período de 25 de novembro a 10 de dezembro data instituída pela ONU, a celebração da campanha iniciou no Dia Internacional da Eliminação da Violência Contra as Mulheres – 25 de novembro. A campanha tem o intuito de sensibilizar e mobilizar homens e mulheres em ações pelo fim de todas as formas de violência contra a Mulher.
‪#‎Disque180‬
Denuncie a violência contra a mulher!

Este slideshow necessita de JavaScript.