HOJE, A CONVICÇÃO DO JUIZ VALE MAIS DO QUE A LEI, AVALIA SENADOR REQUIÃO NA CCJ

Na sessão desta quarta-feira (4) da Comissão de Constituição e Justiça, que sabatinou o juiz federal Valter Shenduener de Araújo, candidato à recondução ao Conselho Nacional do Ministério Público, o senador Roberto Requião se disse estupefato com a subversão das leis e da Constituição, agora substituídas pelas convicções pessoais de magistrados e procuradores. Veja a intervenção do senador:

Continue lendo