OS DEPUTADOS PARANAENSES QUE QUE DERAM UM TRILHÃO DE REAIS DE PRESENTE A TROCO DE UMA PINGUELA

Em seu comentário para as emissoras de rádio, nesta quinta-feira (30), o senador Roberto Requião divulgou a lista dos deputados paranaenses que votaram a favor de Medida Provisória que livra as petrolíferas multinacionais de pagarem um trilhão de reais em impostos, e que permite ainda que elas poluam nossos mares e as desobriga de comprar produtos brasileiros para a exploração de nosso pré-sal. O senador divulgou também os nomes dos deputados paraenses que resistiram à patifaria. Ouça:

Continue lendo

PROJETO DO SENADOR REQUIÃO TORNA TRANSPARENTES AS OPERAÇÕES FINANCEIRAS

Em seu comentário para as emissoras de rádio, nesta quarta-feira (29), o senador Roberto Requião informou que já está tramitando o projeto de sua autoria que torna obrigatória a divulgação dos custos efetivos de operações de empréstimos, financiamentos e arrendamentos. Requião quer que todas as operações financeiras, feitas por instituições bancárias ou lojas, tenham os seus custos (juros, taxas e mais) absolutamente claros.

Continue lendo

SENADOR REQUIÃO PEDE URGÊNCIA PARA PROJETO QUE EXTINGUE PRISÃO DISCIPLINAR PARA PMS

O senador Roberto Requião encaminhou nesta quarta-feira (29) à mesa do Senado pedido de urgência para a votação de projeto que extingue a pena de prisão disciplinar para Policiais e Bombeiros Militares. Para debater o projeto, o senador recebeu em seu gabinete o sargento Elisandro Lotin, da PM de Santa Catarina, que preside a Associação Nacional dos Praças.

Continue lendo

NEREU MOURA TEM PROJETO QUE OBRIGA PRAÇAS DE PEDÁGIOS A ACEITAR CARTÕES DE CRÉDITO E DÉBITO APROVADO NA CCJ

Todas as praças de pedágios instaladas nas rodovias do Paraná serão obrigadas a aceitar cartões de crédito e de débito como forma de pagamento. É o que estabelece o projeto de lei 858/2015 do deputado estadual Nereu Moura. O texto foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (29). “Muitos usuários que transitam pelas rodovias pedagiadas não carregam dinheiro para efetuar o pagamento da tarifa”, afirma Nereu Moura.

Continue lendo